1º Conferência da Cultura em Mandirituba

1º Conferência da Cultura em Mandirituba

Na última quarta-feira (22), foi realizado a Primeira Conferência da Cultura em Mandirituba com o tema central: A Cultura como vetor de Desenvolvimento Econômico,Social, Turístico e Educacional. A conferência teve por objetivo geral, avaliar as ações desenvolvidas, e propor novas ações, para a implementação da política pública cultural de Mandirituba.

As conferências são espaços amplos e democráticos de reflexão, discussão e articulação coletivas em torno de propostas e estratégias que apontam diretrizes para as políticas do município.

A principal característica das conferências é reunir representantes do governo e da sociedade civil, neste caso, especialmente os artistas, para debater os principais desafios e decidir as prioridades para a política cultural municipal.
A atual conferência tem caráter deliberativa, isto é, o que ela define tem extrema relevância pública e deve ser considerada pela gestão das políticas culturais, tanto em nível municipal, quanto estadual e federal, cabendo ao conselho municipal de políticas culturais estimular e fiscalizar o cumprimento de suas deliberações.

“Cuidar da cultura é cuidar da economia, uma pesquisa da Fundação de Getúlio Vargas no ano de 2017 diz, que o setor cultural movimentou 4% do PIB nacional, são mais de 5 milhões de brasileiros que vivem profissionalmente da cultura de forma direta, isso sem contar os indiretos. Nesta mesma pesquisa foi perguntando qual atividade eles mais participam, e 54% dos entrevistados falaram que são nas festas populares e religiosas. Diante disso podemos observar os municípios menores, como Mandirituba, quando realizado uma festa, aumenta o fluxo do comércio local e assim aumentando a economia da cidade além de valorizar a cultura. Com esse objetivo de sempre levar o melhor para os Mandiritubenses é realizado anualmente a grande festa em comemoração ao aniversário da cidade, são 3 dias de eventos que passam pelo evento mais de 20 mil pessoas, isso é renda, emprego, entretenimento para toda a população” Disse a Secretária de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Maria Aparecida Claudino Biscaia.

Na ocasião, foram discutidas formas de fomento e incentivo à cultura local, participação social, implantação de atividades culturais no município, legislação voltada à cultura, bem como foram realizados apontamentos sobre o funcionamento do rescem aprovado Sistema Municipal de Cultura.

A Conferencia Municipal de Cultura, foi convocada pelo Prefeito Luis Antonio Biscaia, através do Decreto Municipal 1052/2022, seguindo o calendário estipulado pelos Governos Estadual e Federal, para que os municípios possam integrar as Conferências do estado e da federação, durante a Conferência, o Coordenador Municipal de Cultura, Fernando Cordeiro, anunciou que o Município está oficialmente no Sistema Nacional de Cultura, "Este é um momento histórico para nossa cidade, tanto na questão da participação da classe artística, quanto no preparo que o Município tem mostrado diante das tecnicidades da cultura, pois é somente cumprindo estes ritos legais, que Mandirituba estará apta a receber repasses fundo-a-fundo de Cultura, dos Governos Estadual e Federal, e, também, está apto a enviar representantes municipais para participar das eleições dos Conselhos de Cultura Estadual e Federal." comentou Fernando.

O evento contou com as palestras do Presidente licenciado do SATED-PR, Adriano Esturilho, do Presidente do Conselho Municipal de Políticas Culturais do município de Pinhais e Professor do Instituto Federal do Paraná, Jefferson Araújo e do Coordenador Municipal de Cultura de Mandirituba, Fernando Cordeiro, que trataram de expor a importância da temática da Conferência.

Participaram do evento, Maria Aparecida Claudino Biscaia, Secretária Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer, Vereadores Marilia Segala e Vilsinho Calais, Inês Koguissi, Coordenadora da Unidade de Apoio aos Municípios da Secretaria de Estado da Comunicação e da Cultura do Paraná, Luciene Pereira Bracht, Gestora de apoio na implantação dos componentes dos Sistemas Municipais de Cultura da Secretaria de Estado da Comunicação e da Cultura do Paraná, Eliane Rodrigues Leal, Representando a Secretaria de Turismo de Curitiba, Adriana de Fatima Bueno, Secretária Municipal de Esporte, Cultura e Lazer do Município de Piên, Jussara do Rocio Heide, Secretária Municipal de Cultura e Turismo do Município de Rio Negro, Odair Rodrigues, Secretário de Cultura e Lazer do Município de Fazenda Rio Grande, Valfrido Eduardo Prado, Secretário Executivo da ASSOMEC.

No fim da Conferência, foram eleitos os Conselheiros Municipais de Políticas Culturais de Mandirituba, representantes da Classe Artística Municipal:

Paritária Governamental:

Fernando Cordeiro - Presidente
Irivan de Jesus Ferreira - Governo/Turismo
Ana Luiza Juliatto - Governo/Assistência Social
Angela Franco Tocha - Governo/Desenvolvimento Econômico
Kelly Rocha - Governo/Cultura
Adalberto Juliatto - Governo/Câmara Municipal

Paritária Sociedade Civil - Classe Artística:

Andrio Robert - Teatro
Beethoven Juvenal da Silva - Sociedade Civil
Sebastião Ferreira de Farias - Música
Luciano André Chepak - Culturas Populares
Joel vieira de Camargo - Dança

Pessoas que agora ajudarão a desenhar as políticas culturais de Mandirituba pelos próximos 10 anos.